Destinos

Destinos
Destinos

Dicas

Dicas
Dicas

Hotéis e Gastronomia

Hotéis e Gastronomia
Hotéis e Gastronomia

O que fazer em Dubai, Emirados Árabes

Primeiramente eu gostaria de pedir desculpas aos meus queridos leitores por não ter postado há tanto tempo! Mas o motivo não é nada mal: eu passei 2 semanas e 3 dias em Dubai, nos Emirados Árabes.

Viajei para Dubai à trabalho, e trabalhei por 2 semanas das 07:30 - 19:00, e sabe como é, depois de um dia super produtivo (e exaustivo) a última coisa que a gente quer é ligar mais um laptop. Nos meus 3 últimos dias em Dubai, entretanto, pude ver um pouco mais da cidade além da sala de reuniões do hotel, apesar de ter pego uma virose que me deixou todos os 3 dias com febre e querendo ficar o dia todo na cama.

Dubai é encantadora e mágica. Todo dia às 05:30 da manhã eu era acordada pelo "chamado para oração" (em árabe "Adhan"), já que a maioria da população da cidade é muçulmana e tem como costume rezar nada mais, nada menos, que 5 vezes por dia. Outro fato à considerar em Dubai devido à religião é que roupas cavadas mostrando os ombros ou acima do joelho nem sempre são bem vistas - ou até mesmo permitidas dependendo do lugar visitado. As bebidas alcoólicas também são super caras e você só pode comprar em bares (se quiser comprar no mercado vai precisar de uma licença que é garantida somente à moradores locais não muçulmanos).

Sem mais delongas, eu deixo com vocês minhas sugestões de o que fazer em Dubai:

1. Inspire-se com o chamado para oração
Como eu escrevi, é difícil ir para Dubai e não ouvir o chamado para oração. Independentemente da sua religião, o chamado para oração traz um sensação de paz indiscritível. Ver as mesquitas com sapatos do lado de fora e placas de "sala de oração" em todo lugar mostra o quanto muçulmanos são determinados à manter sua fé sempre viva. Uma noite voltando de uma saída de campo com colegas de trabalho ficamos chocados vendo que com o chamado para oração várias pessoas estacionaram o carro e começaram a rezar na estrada mesmo, debaixo de chuva e tudo. O poder da fé é inspirador. 


igreja-em-dubaiUma das mesquitas de Dubai. Foto por Milena Beledelli.


2. Se aventure no "desert safari"
O "desert safari" é um tour que diversas empresas fazem em Dubai que leva você até o deserto para uma aventura nas dunas com carros 4x4. É como uma montanha russa no deserto. Dica: não beba no dia anterior ao safari, o carro vai rodar muito e você já vai ficar tonta(o) naturalmente, imagina se estiver de ressaca! Depois do passeio com o 4x4 você pode jantar no deserto e participar de diferentes atividades como sandboarding, interação com falcões, passeios de camelo, entre outros. O pôr-do-sol no deserto é maravilhoso!


camelos-em-dubaiDepois da aventura com o 4x4 é hora de relaxar no deserto. Foto por Milena Beledelli.

dubai-safari-no-desertoSim, o camelo da foto é real! Foto por Milena Beledelli.

3. Ande de camelo
Ainda como parte do "desert safari" você pode dar uma voltinha de camelo ou dromedário. Os camelos são super fofos e surpreendentemente eu achei mais confortável que andar de cavalo apesar de serem muito mais altos. Você também pode comprar leite de camelo em um dos "souks" (mercados) de Dubai.


camelos-em-dubaiEu tentando passar a mão no outro camelo. :-) Foto por ?

4. Coma muito húmus
Húmus é um creme árabe feito com grão-de-bico, azeite, tahine, limão, alho e sal que é servido como acompanhamento em quase toda refeição típica árabe. Além de super saudável e vegano, o húmus fica ainda mais delicioso com pimentões ou pão pita.

5. Faça uma tatuagem de hena
A população de Dubai é extremamente variada, mas a grande maioria dos expatriados que moram na cidade são provenientes da Índia. Não é à toa que grande parte da cultura indiana pode ser vista em Dubai, como por exemplo, as tatuagens de hena. Apesar de também fazer parte da cultura árabe, a hena é mais utilizada por indianas como uma preparação para o casamento. O corante da planta dura em média uma semana e é um souvenir diferente de Dubai. :-)


tatuagem-de-hennaFazendo minha tatuagem no deserto. Foto por Sebastian Manske.



6. Relaxe na Palm Jumeirah
A Palm Jumeirah é uma das ilhas artificiais em formato de palmeira de Dubai. Ao longo dos pequenos arquipélagos você encontra diversos restaurantes e pode relaxar na areia branca e fofa do lugar. Você também pode visitar o parque aquático do resort Atlantis The Palm, o Aquaventure, onde você pode nadar com golfinhos. 


dubai-palm-islandApesar de ser praia muitas pessoas se vestem de forma conservadora. Foto por Milena Beledelli.

7. Visite o Dubai Creek
O Dubai Creek é a parte mais antiga de Dubai, onde fica o canal e os mercados de temperos e ouro. É imperdível para quem quer conhecer mais a cultura árabe e a "vida real" da cidade. Vários barcos mercantes em condições precárias (para dizer o mínimo) também ficam no Dubai Creek. 


porto-de-dubaiO Dubai Creek. Foto por Milena Beledelli.

8. Suba no prédio mais alto do mundo, o Burj Khalifa
Visitar o Burj Khalifa em Dubai é uma experiência única e imperdível. O edifício de 829,8 metros de altura é o mais alto do mundo e oferece um deck de observação chamado de "At the top" (No topo) em seu 124º andar. Se possível, vá ainda mais longe com o pacote SKY, que inclui um tour guiado, chá, suco e finger food árabe no 148º andar (555 metros). Eu e o Sebastian compramos o pacote SKY e apesar do que alguns turistas dizem, valeu a pena ver o deck de observação no 148º andar e depois o do 124º andar. Além dos decks de observação para turistas, o Burj possui uma área residencial com 900 apartamentos e o hotel Armani (do estilista Giorgio Armani). O preço do pacote SKY é salgado: 500 AED (487,00 reais) por pessoa.


edificio-mais-alto-do-mundoFoi difícil conseguir uma foto do Burj todo! Foto por Milena Beledelli.



turismo-em-dubaiVista do 148 andar. Foto por Sebastian Manske.

burj-khalifa-dubaiLounge do 148 andar. Foto por Sebastian Manske.

burj-khalifa-dubaiNo 148 andar poltronas para apreciar a vista estão disponíveis aos turistas. Foto por Sebastian Manske.

9. Se encante com as fontes de Dubai
Assim como Las Vegas, Dubai também tem fontes que "dançam" ao som de músicas e luzes à cada 30 minutos (à partir das 18:00 horas). O espetáculo é gratuito e fica em frente ao Burj Khalifa, que também mostra um show de luzes.

burj-khalifa-dubaiA vista das fontes de Dubai à partir do 148 andar do Burj Khalifa. Foto por Milena Beledelli.

10. Faça compras no Dubai Mall e Mall of Emirates
O Dubai Mall e o Mall of Emirates oferecem diversas lojas com todas as marcas que você conseguir imaginar: de Prada à Gap. O Dubai Mall tem mais de 1.200 lojas e é o maior centro comercial do mundo, contando também com uma pista de patinação e um aquário com mais de 33 mil animais. Atenção: nos shoppings em Dubai não são permitidas roupas acima do joelho ou com mangas cavadas para mulheres.


dubai-mallÁrea em frente ao Dubai Mall. Foto por Sebastian Manske.

11. Reserve um jantar no Madinat Jumeirah
O Madinat Jumeirah é o maior resort dos Emirados, com 2 hotéis e 40 bares e restaurantes. O resort foi projetado com um rio artificial e por isso você pode pegar gôndolas até um dos restaurantes. Nas gôndolas você tem uma vista privilegiada de outro atrativo ímpar de Dubai: o Burj Al Arab, conhecido como o primeiro hotel 7 estrelas do mundo.


madinat-jumeirah-dubaiUma das gôndolas do Madinat Jumeirah. Foto por Milena Beledelli.

Espero que vocês tenham gostado das minhas dicas! Se você também visitou Dubai e tem alguma dica extra, deixe um comentário.


- Milena

Nenhum comentário