Destinos

Destinos
Destinos

Dicas

Dicas
Dicas

Hotéis e Gastronomia

Hotéis e Gastronomia
Hotéis e Gastronomia

A beleza selvagem de Kotor, Montenegro

kotor-em-montenegroBaía de Kotor. Foto por Milena Beledelli.






Honestamente falando eu nunca pensei em visitar Montenegro. Tantos lugares para conhecer no mundo, quem sabe um dia, mas definitivamente não era uma prioridade. Mal sabia eu que estava subestimando a beleza imensurável desse pequeno país nas Balcãs. 

Honestly speaking, I never thought about visiting Montenegro. So many places to see in the world, maybe one day, but definitely not a priority. Little did I know that I was underrating the incredible beauty of this small country in the Balkans.


kotor-montenegroA igrejinha no caminho de Kotor. Foto por Milena Beledelli.

Assim que nos aproximamos da baía de Kotor tivemos a mesma impressão: esse não era um lugar qualquer. A natureza ainda estava quase intocada nesse lugar, não só podíamos vê-la como também podíamos sentir uma imensa gratidão por sermos sortudos o suficiente por ver algo tão esplêndido. Aos pés das montanhas vimos a pequena cidade de Perast, que assim como nós, parecia minúscula comparada à grandiosidade das belezas naturais que a cercavam.

As soon as we approached Kotor's bay, we all had the same impression: this was not just another place. The nature was almost untouched there, we could not only see it but also feel an immense sense of gratitude for being lucky enough to see such a splendid view. At the bottom of the mountains we saw the village of Perast, that just like us, looked small compared to the greatness of the natural beauty surrounding it.

kotor-montenegroAproveitando a vista. Foto por Sebastian Manske.

Depois de deixar o ferryboat, fizemos uma pequena pausa na estrada que leva à Kotor - tão estreita que não dá espaço à dois carros simultaneamente - e vimos uma pequena igreja de pedra que parecia estar ali por centenas de anos. Decidimos tirar algumas fotos do lugar e quando descemos as escadas do pequeno morro onde estava a igreja nos deparamos com uma vista ainda mais formidável: as montanhas, Perast e as ilhas de São Jorge (onde fica um mosteiro da Ordem de São Bento) e de Nossa Senhora das Pedras (onde fica a igreja de Nossa Senhora das Pedras, claro).

After leaving the ferryboat, we made a short break on the road that was leading us to Kotor - so narrow that it wouldn't allow 2 cars to cross it simultaneously - and we saw a small stone church that seemed to be there for hundreds of years. We decided to take a few pictures at the place and when we went downstairs in the little mountain where the church was located we found an even better view: the mountains, Perast and the islands of Saint George (where a Benedictine monastery is located) and Our Lady of the Rocks (where the Our Lady of the Rocks church is, obviously). 

kotor-montenegroAs ilhas de São Jorge e Nossa Senhora das Pedras. Foto por Milena Beledelli.

Chegando em Kotor decidimos visitar a cidade velha, Patrimônio Mundial da Humanidade, cercada pela Fortaleza de Kotor. Entrando na cidade pudemos observar várias igrejas e prédios que datavam de séculos atrás, como a Torre do Relógio, construída em 1602 e um arsenal para armazenamento de armas construído em 1420. Fizemos mais uma pausa e aproveitamos para tomar um vinho Vranac, uma variedade de uvas que só é encontrada nessa região.

Arriving in Kotor we decided to visit the old town, a UNESCO World Heritage, surrounded by Kotor's Fortress. Inside the old town we could see several churches and historical buildings dating from several centuries ago, such as the Town Clock Tower, built in 1602, and an Arsenal used for arms storage, built in 1420 (Brazil was not even discovered by then!). We took a break and tried out a Vranac wine, a variety of grapes that can only be found in this region.

kotor-montenegroPasseando pela cidade velha de Kotor. Foto por Sebastian Manske.

Decidimos então que era hora de subir a Fortaleza de Kotor e aproveitar a vista da montanha de São João. A Fortaleza possui diversas edificações, sendo que no topo está o Castelo de São João. Para quem não quer (ou não aguenta!) subir os 1.350 degraus até lá, à partir da Igreja de Nossa Senhora da Saúde já é possível ter uma vista lindíssima de Kotor e sua baía.

We then decided that it was time to walk on Kotor's Fortress and enjoy the view from Saint John's mountain. The Fortress has several buildings, being that at its top is the Castle of Saint John. For those who don't want (or can't make it!) to go up 1.350 steps, from Our Lady of Health's church it's already possible to have an amazing view of Kotor and its bay.

kotor-montenegroNa Fortaleza de São João. Foto por Sebastian Manske.
Se você visitar algum país nas Balcãs, não deixe de ver a beleza selvagem de Kotor!

If you visit a country in the Balkans, make sure that you see the wild beauty of Kotor!

4 comentários

  1. Parabéns por me proporcionar conhecer lugares lindos,nunca imaginados!!! bjs.

    ResponderExcluir
  2. Lugar espetacular, mas 1350 degraus eu confesso que não aguentaria, rsrs. Nunca pensei em visitar Montenegro, mas já estou mudando de opinião, beijos e obrigada por me apresentar essa maravilha de lugar.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Haha até a metade a gente chega Agnes, depois começa a ficar complicado ;-) beijos pra ti também!

      Excluir