Destinos

Destinos
Destinos

Dicas

Dicas
Dicas

Hotéis e Gastronomia

Hotéis e Gastronomia
Hotéis e Gastronomia

Roteiro de 1 dia para Estocolmo, Suécia

Parque de diversoes em Estocolmo na Suécia
Blog Bem Viajada. Foto por Milena Beledelli.


A Suécia é um dos países mais fascinantes do mundo: é conhecida por sua história - quem nunca ouviu falar dos Vikings? - bem como sua modernidade, principalmente em termos de design e da qualidade de vida, algo que está muito a frente de diversos outros países. 

Em Maio deste ano tive a felicidade de viajar para a capital, Estocolmo, e passar 1 dia na cidade. Por sorte, o clima estava atipicamente quente para a época do ano: por volta de 20 graus, o que para a Suécia é verão. Por falar nisso, um dos fatos mais curiosos é que por ser um país do norte europeu, a Suécia tem verões e invernos bem diferentes: no inverno é possível aproveitar a luz do dia por apenas algumas horas, já no verão o sol não se põe abaixo da linha do horizonte, ou seja, o sol ainda está brilhando no horário da noite. Por esse fator eu recomendo muito que se você for viajar para a Suécia, viaje no verão.

Estocolmo também é uma cidade única, já que foi construída sobre diversas ilhas. Talvez por isso tenha essa combinação perfeita de natureza com a praticidade de uma capital. 

Se você tiver a oportunidade de visitar Estocolmo, não deixe de ler a lista abaixo e incluir as dicas no seu roteiro. 


Visto, moeda, idioma e voltagem da luz na Suécia

Gamla Stan - Cidade Velha
A cidade velha de Estocolmo, chamada "Gamla Stan" é o ponto mais imperdível de Estocolmo. Os prédios e ruas do século XIII mostram a Estocolmo medieval, enquanto os vários cafés e restaurantes dão um ar mais hipster e descontraído ao local.

Na Gamla Stan também fica o Museu Nobel, que mostra a história do prestigioso Prêmio Nobel e as contribuições de cada ganhador para o mundo. Em um podcast sobre a Suécia eu também ouvi que alguns nominados/ ganhadores do Prêmio Nobel se reunem em um dos restaurantes da Gamla Stan todas as quintas-feiras para jantar. Será que é verdade? Se é verdade eu não sei, mas sei que o museu pode ser visitado diariamente - com exceção das segundas-feiras - por cerca de R$50,00.


Gamla Stan em Estocolmo na Suécia
Blog Bem Viajada. Foto por Sebastian Manske.

Depois do Museu Nobel, faça também um tour pelo Palácio Real, outra preciosidade de Estocolmo que fica na área da Gamla Stan. O palácio é um ótimo lugar para aprender mais sobre a história de Estocolmo e da família real Sueca. A entrada custa cerca de R$55,00 e você pode visitar alguns aposentos reais e um museu com as jóias da coroa. As jóias são impressionantes!

Depois de visitar o Palácio e o Museu Nobel, faça como os locais: dê uma pausa para a Fika. Fika é uma espécie de lanche da tarde, com café e doces ou salgados. Não é difícil encontrar pequenos restaurantes oferecendo uma Fika saborosa em Gamla Stan.


Interior do Palácio Real de Estocolmo na Suécia
Blog Bem Viajada. Foto por Milena Beledelli.

Você pode ainda visitar a Catedral de Estocolmo e depois disso eu recomendo um passeio de barco que vai da Gamla Stan até a ilha de Djurgården - lembra que eu escrevi que Estocolmo foi construída sobre diversas ilhas? -. O barco é uma boa opção já que táxi na cidade é super caro.

Ilha de Djurgården
Djurgården é um dos lugares mais bem quistos pelos habitantes de Estocolmo. A ilha tem museus, um parque de diversões e um jardim onde muitos se reunem com a família para um piquenique nos meses de verão. Os dois principais atrativos de Djurgården são o Vasa Museum e o Skansen Museum. 

O Vasa Museum é um dos lugares mais visitados por turistas e tem um atrativo muito interessante: o navio Vasa, o único navio do século XVII resgatado quase intacto depois de ter afundado em sua viagem inaugural em 1628. O museu não só mostra o navio em si como também sua história e os motivos pelos quais pode ter afundado. Outro fator interessante é que o navio é bem preservado graças a alta qualidade da água em Estocolmo, que é limpa e pode ser bebida sem problemas. A entrada para o Vasa Museum custa R$55,00.


Navio do século 17 em Estocolmo Suécia
Blog Bem Viajada. Foto por Milena Beledelli.

Devido ao curto tempo em que fiquei em Estocolmo, infelizmente não pude visitar o Skansen Museum. O Skansen também é um dos museus mais visitados de Estocolmo e o primeiro museu ao ar livre do mundo. No museu é possível ver diversas casas no estilo arquitetônico Sueco bem como animais nórdicos.

Se você gosta de música, mais um museu na ilha de Djurgården é o Abba Museum. Isso mesmo, o museu da banda Abba! Com certeza vale a pena para quem é fã dessa banda Sueca que recentemente voltou aos holofotes graças ao musical "Mamma Mia".

Museu do Abba em Estocolmo na Suécia
Blog Bem Viajada. Foto por Milena Beledelli.

Depois de Djurgården, pegue outro barco e vá até a ilha de Kungsholmen.

Ilha de Kungsholmen
Na ilha de Kungsholmen fica a Prefeitura de Estocolmo, que é tão bonita que virou atrativo turístico. A Prefeitura foi construída com tijolos vermelhos e ao lado da água, o que a deixa com um ar ainda mais belo. Uma curiosidade sobre a prefeitura é que nela também é realizado o banquete anual do Prêmio Nobel.


Prefeitura de Estocolmo na Suécia durante o verão
Blog Bem Viajada. Foto por Sebastian Manske.

Para encerrar o dia com chave de ouro, dirija-se até a área de Norrmalm.

Norrmalm
Normalm fica pertinho da Gamla Stan e é uma área coberta por lojas e hotéis em Estocolmo. Nada melhor que terminar sua visita pela cidade com um drinque no Stockholm Icebar, o Bar de Gelo de Estocolmo. A entrada para o bar de gelo é salgada: custa cerca de R$88,00. A entrada da direito à um coquetel. Apesar de não ser o lugar mais barato de Estocolmo - na verdade Estocolmo toda não é conhecida por ser um lugar barato -, vale a pena conhecer o bar e ver os incríveis móveis e objetos todos feitos de gelo. Você também ganha uma roupa especial com luvas para poder beber seu coquetel no copo feito de gelo sem nenhum problema.


Bar de Gelo em Estocolmo na Suécia
Blog Bem Viajada. Foto por ?

Estocolmo é uma cidade que pode ser visitada por vários dias e ainda assim algo novo poderá ser sempre descoberto. Se puder, planeje sua viagem para ficar ao menos 2 dias por lá antes de ir para o seu próximo destino. 



- English Version -


Stockholm Sweden during summer
Bem Viajada Blog. Photo by Sebastian Manske.

Sweden is one of the most fascinating countries in the world: it is known for its history - who has never heard of the Vikings? - as well as its modernity, especially in terms of design and life quality, which is far ahead of several other countries.

In May this year I had the joy of traveling to the capital, Stockholm, and spending 1 day in the city. Luckily the weather was unusually warm for the time of the year: around 20 degrees Celsius, which for Sweden is summer. Speaking of which, one of the most curious facts is that because it is a northern European country, Sweden has very different summers and winters: in winter it is possible to enjoy the light of day for only a few hours, in summer the sun does not set below the horizon, that is, the sun is still shining at night. Because of that I highly recommend that if you are traveling to Sweden, travel there during summer.

Stockholm is also a unique city, since it was built on several islands. Maybe that's why it has this perfect combination of nature and the practicality of a capital.

If you have the opportunity to visit Stockholm, be sure to read the list below and include the tips in your itinerary.


Currency Visa Language and Voltage Information Stockholm Sweden

Gamla Stan - Old Town
The old town of Stockholm called "Gamla Stan" is the most unmissable spot in Stockholm. The buildings and streets of the thirteenth century show medieval Stockholm, while the various cafes and restaurants give a more hipster and relaxed flair to the place.

At Gamla Stan there is also the Nobel Museum, which shows the history of the prestigious Nobel Prize and the contributions of each winner to the world. In a podcast about Sweden I also heard that some nominees / Nobel laureates gather at one of Gamla Stan's restaurants every Thursday for dinner. Is it true? If it is true I don't know, but I know that the museum can be visited daily - with the exception of Mondays - for about US$ 13.


Old Town of Stockholm during summer
Bem Viajada Blog. Photo by Sebastian Manske.

After the Nobel Museum, also tour the Royal Palace, another gem of Stockholm in the Gamla Stan area. The palace is a great place to learn more about the history of Stockholm and the Swedish royal family. The entrance costs about US$ 15 and you can visit some royal apartments and a museum with the crown jewels. The jewels are awesome!


Royal outfits at the Royal Palace in Stockholm Sweden
Bem Viajada Blog. Photo by Milena Beledelli.

After visiting the Palace and the Nobel Museum, do as the locals do: take a break for Fika. Fika is kind of an afternoon snack with coffee and sweets or savory food. It isn't difficult to find small restaurants offering a tasty Fika in Gamla Stan.

You can also visit the Stockholm Cathedral and after that I recommend a boat trip that goes from Gamla Stan to the island of Djurgården - remember that I wrote that Stockholm was built on several islands? -. The boat is a good option since taxi in town is super expensive.

Djurgården Island
Djurgården is one of the most well-liked places in Stockholm. The island has museums, an amusement park and a garden where many meet with the family for a picnic in the summer months. Djurgården's two main attractions are the Vasa Museum and the Skansen Museum.


Neighbourhood in Stockholm Sweden
Bem Viajada Blog. Photo by Milena Beledelli.

The Vasa Museum is one of the most visited places by tourists and has a very interesting attraction: the ship Vasa, the only seventeenth-century ship rescued almost intact after having sunk on its maiden voyage in 1628. The museum not only shows the ship itself but also its history and the reasons why it may have sunk. Another interesting factor is that the ship is well preserved thanks to high quality of the water in Stockholm which is clean and can be drunk without problems. Entry to the Vasa Museum costs US$ 15.

Due to the short time I stayed in Stockholm, unfortunately I could not visit the Skansen Museum. Skansen is also one of Stockholm's most visited museums and the world's first open-air museum. In the museum you can see several houses in the Swedish architectural style as well as Nordic animals.


Skansen open air museum in Stockholm Sweden
Bem Viajada Blog. Photo by Milena Beledelli.

If you like music, another museum on the island of Djurgården is the Abba Museum. That's right, the Abba band's museum! It is certainly worth it for those who are fans of this Swedish band that recently returned to be mainstream thanks to the musical "Mamma Mia".

After Djurgården, take another boat and go to the island of Kungsholmen.

Kungsholmen Island
On the island of Kungsholmen lies the Stockholm City Hall, which is so beautiful that it became a tourist attraction. The City Hall was built with red bricks and beside the water, which leaves it with an even more beautiful air. A curiosity about the city hall is that it is also holds the annual banquet of the Nobel Prize.


City Hall of Stockholm Sweden
Bem Viajada Blog. Photo by Milena Beledelli.

To end the day in the best way possible, head to the Norrmalm area.

Norrmalm
Normalm is close to Gamla Stan and is an area covered by shops and hotels in Stockholm. Nothing better than to end your visit to the city with a drink at the Stockholm Icebar. The entrance to the ice bar is not cheap: it costs around US$ 25. The entry ticket comes with a cocktail of your choice. Although not the cheapest place in Stockholm - in fact Stockholm is not known as a cheap place - it pays off to see the incredible furniture and objects all made of ice. You also get special clothes with gloves to drink your cocktail in the glass made of ice without any problem.


Stockholm is a city that can be visited for several days and yet something new can always be discovered. If you can, plan your trip to stay at least 2 days there before going to your next destination.

Nenhum comentário